08 março, 2013

[WebSérie] Estrela da Noite - Capítulo 02

Este capítulo é parte integrante da WebSérie original "Legally Friends", escrita por Sâmella Raissa. Para ter acesso aos capítulos anteriores, clique aqui

Teatro

Cheguei à escola na segunda-feira, totalmente exausta. A correria que tinha feito durante o percurso foi um tanto exagerada, mas considerando que o pinche da vizinha estava correndo atrás de mim, eu simplesmente não tinha mais nenhuma alternativa. Bem, da próxima vez devo me lembrar claramente de não passar com o fichário à mostra para aquele cachorrinho intrometido. Como ele podia pensar que o osso que o cachorro segurava na foto da capa do fichário pudesse ser real?
Engoli meus pensamentos a seco quando cheguei à escola e encontrei um tumulto de alunos ao redor do pilar da entrada. Eu não era louca de invadir a multidão, saberia da “tal novidade” depois. No momento em que me sentei nos bancos da pracinha do pátio, Susana veio correndo em minha direção, seguida de Leandro e Felipe, embora que com passos mais curtos e naturais. Sua expressão era de nervosismo. Calculei mentalmente quantos minutos faltavam para a aula começar. E eu já imaginava o motivo de seu desespero.
– Amiga, quais foram as páginas do dever de casa de Geografia?! – Ela desesperou total. 
Eu comecei a rir por impulso. O desespero de Susana era fácil de ser confundido com os momentos em que ela passa mal na escola. Eu até tive vontade de perguntar-lhe se estava passando bem, para zoá-la, mas deixei pra lá. Eu também sabia o quão dramática ela era; na certa iria explodir no segundo em que eu falasse aquilo.
– Ah, foram as páginas... – Tentei recuperar a memória da tarefa. – Páginas 60 e 61. – Respondi.
Ela não deu nenhum segundo a mais. Sentou-se rapidamente ao meu lado, abriu a mochila, tirou os cadernos e começou a rabiscar a tarefa, nas pressas. Ter a agenda confiscada pela diretora Carlota era algo que eu, assim como vários outros alunos, era algo pelo qual nós “não fazíamos questão”.
– Ora, ora, ela realmente pirou com o dever de cabeça. – Felipe se aproximou, com um sorriso debochado, direcionado à ela, com a cabeça abaixada, submersa aos livros.
– Cala a boca, Felipe! – Ela revidou, sem olhar para ele. – Se não vai ajudar, então não atrapalhe!
Como eu disse... eles viviam em pé de guerra. Mas eram amigos mesmo assim – ou apenas eu custava a acreditar nisso.
Ela terminou a tarefa em tempo recorde. As 14 questões foram respondidas visivelmente “aceitáveis” nos poucos dez minutos antes do sinal soar para o início da primeira aula. De Geografia.
Saímos andando em direção à sala.
– Eu consegui, sempre consigo! – Ela festejou consigo própria, vitoriosa. – Eu sempre ajo rápido! – Seu sorriso orgulhoso pairava no ar...
– É, né, que pena... – Felipe balbuciou rindo, sendo rapidamente repreendido por ela, com um cutucão. – Ei, que foi? Só estou pensando na coitada da professora Miranda. A sorte dela não deve estar muito boa, pelo visto; ela terá de suportar ler suas respostas mal escritas. De novo. – Ele falou, num tom tão penoso e dramático que mais dava para convencer qualquer um de que as respostas de Susana estavam realmente de dar dó. Ela olhou furiosa para ele, que abafou um riso intrometido.
– Bom, pelo menos eu faço a minha tarefa. Ao contrário de uns e outros, – Ela olhou de relance para ele, franzindo uma sobrancelha. – que preferem não fazer a atividade e dar uma desculpa esfarrapada.
– Caramba, Susi, você realmente está precisando de ajuda. – Ele riu desinibidamente. – Seu cérebro realmente está funcionando mal. Você consegue lembrar de coisas que eu fazia há mais de cinco anos, mas, até vinte minutos atrás, não estava lembrada de uma simples atividade de Geografia, que foi, por acaso, passada ontem? – Ele franziu a testa meio sério, meio rindo.
Ela atrapalhou o cabelo dele, totalmente descontraída e entrou rapidamente na sala à nossa frente. Ele a seguiu, enquanto ria baixinho. Leandro segurou minha mão e me puxou para dentro da sala no mesmo instante. Sentamos rapidamente nas carteiras, tempo suficiente para que a professora Miranda adentrasse à sala, curiosamente, acompanhada pela Stella, professora de Teatro.
“Avisos sobre a peça teatral, certamente...” presumi, enquanto arrumava meu material sob a carteira.
– Bem, alunos, peço a colaboração de vocês para prestarem atenção aos avisos da Dona Stella. – Miranda anunciou, batendo leves palmas, tentando calar a turma. – Ela está procurando um ajudante para a peça de teatro da escola, e está interessada que este papel seja de um dos alunos do 3º ano.
A sala inteira revirou o olhar da Miranda para a Stella, que apenas sorria de boca fechada, segurando as próprias mãos, com as pernas totalmente coladas uma na outra. De todas as professoras da escola, ela certamente tinha hábitos um tanto estranhos, mas era uma das mais simpáticas também – senão a única; a Miranda costumava ter alguns ataques de irritação e grosseria de vez em quando. 


E então, gente, gostaram do capítulo de hoje? Desculpem não ter postado antes, mas estava meio aérea ainda com as aulas, rsrs :) Mas agora a rotina volta ao normal e, por falar nisso... gostaram do novo layout? Embromei bastante no anterior, mas acho que a espera compensou, né? O que acharam? (do capítulo e do layout).

Beijos e fiquem com Deus, e FELIZ DIA INTERNACIONAL DA MULHER! ^-^

14 comentários:

  1. Gostei :)
    Ah tão lindo Susi e Fe...
    Feliz dia internacional da mulher pra você tambéem amore <3
    Beijos!


    Cherry Girls

    ResponderExcluir
  2. Adorei o capítulo & o layout ♥ Concordo com a Gabi: Susana e Fernando são muito lindos :D Beijos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado! ^-^ Sério, gostariam mesmo se eles ficassem juntos? Mesmo vivendo em pé de guerra? hahaha (Taís, é Felipe, viu?).
      Bjos...

      Excluir
    2. Ops, errei na hora de digitar :P Sorry ~~

      Excluir
  3. Aai que fofo o texto ^.^

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oi, Sâm!
    A cada dia que leio os seus textos fico mais impressionado com a sua simplicidade e carisma. As suas palavras são tão bem colocadas que invejam qualquer leitor, para mim é um prazer poder lê-las e acompanhar o seu crescimento e amadurecimento, parabéns!

    Um beijo, http://umleitoramais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, Leo, fico feliz que tenha gostado e muito obrigada! ^-^
      Apareça mais vezes aqui no blog! ^-^
      Bjos...

      Excluir
  5. Quero publicação, hein? Hahaha
    Beijos,
    Vinícius - Livros & Rabiscos

    ResponderExcluir
  6. Capítulo e layout perfeitos: confere!
    Sério, tudo lindo. Fiquei imaginando a cena do Felipe provocando a Susana enquanto ela se esforçava para terminar o dever atrasado a tempo, e deu pra imaginar direitinho! Adoro esse quarteto... Enfim, tava lendo as dicas do post anterior também, e amei!

    Beijos ♥ Jeito Único

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, Lari, obrigada por conferir sempre! ^-^ E deu para rir um pouquinho com a Susi e o Felipe, né? :D E obrigada por conferir o outro post também.
      Bjos...

      Excluir