10 maio, 2013

[WebSérie] Estrela da Noite - Capítulo 11

Este capítulo é parte integrante da WebSérie original "Legally Friends", escrita por Sâmella Raissa. Para ter acesso aos capítulos anteriores, clique aqui.


Ideias e Estrelas

– Finalmente terminei a releitura! – Susana comemorou, enfim, aliviada. – Obrigada pela ajuda também, Anneliese.
– Ah, que é isso, não tem de que. – Ela agradeceu, voltando ao estado natural de timidez, mas visivelmente à vontade com meus amigos.
Àquela altura, eu ainda estava perdida por dentre as estantes da biblioteca. Mais precisamente, nos romances; lia concentrada Um Porto Seguro, do Nicholas Sparks, até que o Leandro (re)apareceu do meu lado.
– Vai querer carona para casa? – Sorriu.
– Claro, mas você não tem carro nem moto para dirigir... E nem idade para tal. – Brinquei, rindo.
– E quem disse que também não se pode ir andando? É muito melhor, faz bem para a saudade e não polui nadinha!
Sorri-lhe, agradecida, e logo nos direcionamos à entrada da biblioteca. Susana, Felipe e Anneliese conversavam já do lado de fora.
– Clara, qual era a atividade de Física para amanhã mesmo, hein? – Susana perguntou ligeiramente, sorrindo sem mostrar os dentes.
Eu já conhecia aquela cena.

– Susana...
– Ei, eu me esqueci, tá legal? Sou humana. – Ela deu de ombros, muito calma para alguém que ainda não tinha feito uma atividade de seis páginas já para o dia seguinte (mas, provavelmente, ela não sabia desse detalhe).
– Ok, Maria Esquecida, vamos lá em casa que eu te passo as páginas do dever. – Suspirei, acrescentando em seguida, ao notar seus dentes aparecerem em conjunto em um sorriso repentino: - Mas nada de respostas!
Ela deu de ombros novamente, compreensiva.
Já estava me voltando para o caminho de casa, quando me dei conta da Anneliese. Mas antes que eu pudesse falar alguma coisa, ouvi o Felipe dizer:
– Se importa se eu a acompanhar até em casa, Anneliese?
Do meu lado, Leandro soltou um riso baixinho e – curiosamente – solidário, sem o menor motivo. Virei-me para a Anneliese e reparei-a ligeiramente corada nas bochechas, mas ainda com a coragem de responder de volta:
– Não, claro que não. – Sorriu brevemente e acrescentou: - Obrigada, Felipe.
[...]
Logo que chegamos na frente da minha casa, Leandro se despediu rapidamente e prosseguiu para a sua; precisava dar um banho caprichado em Todd, seu Husky siberiano que já não chegava perto d’água há cinco dias, devido a uma falta de água de no bairro onde morava. Susana, por sua vez, permaneceu aqui em casa por mais alguns minutos. Inicialmente, ela pediu apenas as páginas do dever, mas logo – como eu previa – pediu uma ajuda (nada) “rápida” para fazer, ao menos, as três primeiras páginas. Ajudei-a na medida do possível – é fato que quando eu falo demais sobre dever de casa, principalmente um que eu já fiz, acabo, por fim, dando a resposta sem querer e isso não seria nada bom.
Quando, enfim, sozinha, liguei o computador e passei algum tempo navegando na internet, fosse lendo alguns blogs, checando meus e-mails ou olhando meu facebook. E, justamente nesse último, eis que uma nova solicitação de amizade constava na minha página inicial.
Anneliese Campbell Vasconcelos. Aceitei.
Não passou nem dois minutos, e então um toque rápido, precedido por uma janela piscando no canto direito da página aparece e me chama a atenção. Era a janela do bate-papo.

Anneliese13: Obrigada por tudo hoje!
ClaraF.10: Por tudo o quê?
Anneliese13: Ah, por ter, sabe, me apresentado aos seus amigos. Não sei se notou, mas nas vezes em que a gente se via, eu normalmente estava sozinha.
ClaraF.10: Que isso, não precisa agradecer. A sua simpatia já conquistou novas amizades, apenas dei um empurrãozinho. ;)
Anneliese13: De todo jeito, obrigada. Você também é muito simpática!

Continuamos a conversar algumas breves aleatoriedades, sendo que ela se mostrou uma verdadeira tagarela em frente à tela do computador. Fiquei feliz em ver que ela não estava mais tão quieta como antes, e aproveitei o clima de amizade para puxar conversa sobre um outro assunto...


5 comentários:

  1. Fiquei imaginando a cara da Anneliese quando o Felipe pediu para acompanhá-la até em casa kkkk'
    Estou doida para descobrir que outro assunto é esse que a Clara que puxar com a Anne
    Beijos ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Beeem... isso já é uma outra história, Taís... hehe.
      Eu acho que já comentei mais ou menos o que pode ser esse "assunto", devo ter colocado ele em alguns capítulo anterior, não sei, mas, enfim... Próxima semana mesmo ;)
      Beijos...

      Excluir
    2. Tenho leves suspeitas que será sobre a ideia da Anne assumir o papel da Belinda u--U

      Excluir
  2. Um capítulo mais fofo que o outro! Ri do lance da carona do Leandro, e saquei a timidez da Anne (hihi, olha só a intimidade!) quando o Felipe quis levá-la até em casa. E a folga da Suzana quanto ao dever, heim? Bem típico, haha.

    Beijos ♥ Jeito Único

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Susana não muda mesmo, esse é o jeito dela, hehe. Mas sobre a Anne e o Felipe... bom, tudo a seu tempo, hihi. ;)
      Beijos...

      Excluir